Violência no Cáucaso mata mais 2 policiais, diz Rússia

Um funcionário do Ministério do Interior na província russa do Daguestão informou que dois policiais foram mortos e três ficaram feridos hoje em uma emboscada. Segundo Vyacheslav Gasanov, um comboio da polícia foi atacado em uma estrada na rodovia na região de Tsumadi. O comboio estava retornando após uma operação de segurança que ocorreu após o assassinato ontem de três outros policiais. Gasanov disse que homens não identificados também mataram ontem um vidente na cidade de Kaspiysk.

AE, Agência Estado

12 de abril de 2011 | 11h51

O Daguestão e outras províncias no norte do Cáucaso estão desestabilizados por uma insurgência islâmica que se disseminou após duas guerras separatistas na vizinha Chechênia. Um porta-voz do Ministério do Interior russo para o Cáucaso, Sergei Morozov, disse que um suposto militante foi morto e outro detido ontem na província da Ingushetia. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
RússiaCáucasoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.