Violência prossegue no sul do Líbano

As forças israelenses atacaram, com artilharia e aviões, algumas zonas no sul do Líbano, depois que surgiram notícias de uma ofensiva contra um posto de Israel nas Colinas de Golã, informaram autoridades. O canal de televisão Al-Manar, que pertence à milícia libanesa Hezbollah (Partido de Deus), informou que vários foguetes foram disparados sobre um posto israelense próximo à comunidade de Ghajar, em Golã, território da Síria ocupado por Israel.Mais tarde, funcionários libaneses de segurança disseram que os aviões israelenses efetuaram dois ataques aéreo nas colinas de Kfar Chouba, próximas ao local conhecido como chácara de Chebaa. As fontes, que pediram para não serem identificadas, disseram que o exército israelense abriu fogo de artilharia em algumas áreas próximas a Ghajar e Kfar Chouba.A Al-Manar informou também que a guerrilha do Hezbollah atacou algumas posições israelenses em Chebaa, depois das represálias militares de Israel.Nesta semana, o Hezbollah lançou vários ataques contra as posições israelenses em Chebaa, gerando temores sobre a abertura de uma nova frente de batalha no atual conflito do Oriente Médio. Os conflitos de hoje ocorreram poucas horas depois que pacificadores das Nações Unidas encontraram dois mísseis Katyusha prontos para serem disparados, em uma área próxima à fronteira com Israel.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.