Violência se espalha pelo Iraque; mais de 20 mortos

Tropas americanas e soldados iraquianos leais ao governo provisório enfrentaram rebeldes em batalhas espalhadas pelo centro e norte do país. Os combates mais sangrentos ocorreram em Baqouba, onde pelo menos 20 rebeldes foram mortos. Nas regiões de Ramadi e Mossul, quatro diferentes ataques com carros-bomba feriram nove americanos.Em Faluja, os EUA retomaram o bombardeio aéreo. Um comboio de ambulâncias e suprimentos não conseguiu entra na cidade. Há mais de uma semana que a Cruz Vermelha e o Crescente Vermelho não conseguem entrar em Faluja.Na cidade de Buhriz, perto de Baqouba, rebeldes mataram o chefe de polícia local. Durante os combates em Baqouba e Buhriz, aviões americanos despejaram duas bombas de 250 quilos. Segundo médicos, nove iraquianos, sendo sete civis, morreram o bombardeio. Em Suwayra, ao sul de Bagdá, ataques quase simultâneos foram lançados contra a delegacia de polícia e o quartel da Guarda Nacional. Sete soldados e policiais foram mortos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.