Violência tribal deixa mais de 100 mortos no Paquistão

Os choques entre milicianos tribais e guerrilheiros centro-asiáticos no noroeste do Paquistão se intensificaram nesta quarta-feira, elevando para 114 o número de mortos em três dias de violência, informaram autoridades locais.Guerrilheiros do Usbequistão ligados à rede terrorista Al-Qaeda, do milionário Osama bin Laden, enfrentam militantes taleban na região fronteiriça do Afeganistão desde segunda-feira. Militantes dispararam morteiros, foguetes e abriram fogo com fuzis de assalto em quatro áreas diferentes da região.Os combates começaram quando um líder taleban local, o mulá Nazir, decidiu expulsar militantes estrangeiros da zona tribal. O governo paquistanês celebrou o conflito como um "êxito" em sua iniciativa de empregar milicianos tribais - ao invés de forças regulares - na luta contra insurgentes estrangeiros.Entretanto, observadores locais qualificaram os confrontos como uma disputa de força entre dois grupos militantes rivais em uma região sem lei perto do Afeganistão, onde a simpatia pela milícia fundamentalista islâmica Taleban e pela rede extremista Al-Qaeda é alta.GovernoDe acordo com fontes no governo paquistanês, 114 pessoas morreram em três dias de conflito, guerrilheiros usbeques e chechenos em sua maioria.Na terça-feira, quando o saldo de mortos ainda era de aproximadamente 30 pessoas, três crianças foram atingidas por um morteiro ao saírem de um ônibus escolar e morreram na hora.Segundo moradores das regiões afetadas, o Exército paquistanês disparou mísseis contra os povoados de Azam Warsak e Kalusha, principais cenários dos conflitos.Contudo, o porta-voz das forças armadas paquistanesas, o general Waheed Arshad, afirmou que "as forças do governo não estão envolvidas na guerrilha."Combates semelhantes entre usbeques e paquistaneses deixaram dezenas de mortos desde o começo de março.Centenas de militantes estrangeiros, incluindo usbeques, chechenos e árabes, fugiram para as regiões tribais semi-autônomas no lado paquistanês da fronteira depois que forças lideradas pelos EUA derrotaram o Taleban no Afeganistão, em 2001.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.