Vírus menos conhecido de gripe aviária mata 2 na China

Um vírus menos conhecido da gripe aviária matou dois homens e deixou uma mulher gravemente enferma na China, segundo autoridades sanitárias do país.

Agência Estado

01 de abril de 2013 | 09h54

Os homens, de Xangai, foram as primeiras vítimas fatais do vírus H7N9, que os infectou em fevereiro. Na cidade de Chuzhou, no leste chinês, uma mulher encontra-se em estado greve após também ter sido contaminada, de acordo com a Comissão Nacional de Planejamento para a Saúde e Família.

Ainda não se sabe como os três foram infectados, disse a comissão, ressaltando, no entanto, que é improvável que o vírus se espalhe com facilidade entre humanos. Também não foram reveladas as ocupações dos afetados ou se eles tiveram contato com aves ou outros animais.

Por outro lado, a comissão informou que dois filhos de um dos homens de Xangai também sofreram pneumonia aguda, que acabou causando a morte de um deles, e que a origem da infecção ainda é desconhecida. Outras pessoas que estiveram em contato com as vítimas não adoeceram, indicando que o vírus não se propaga facilmente. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinagripe aviáriamortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.