Viúvo de Bhutto é indicado para presidência do Paquistão

Os parlamentares do principal partido da coalizão governista no Paquistão indicaram, por unanimidade, Asif Ali Zardari para a presidência do país. "Zardari agradeceu ao Partido Popular do Paquistão, do qual é co-presidente, e disse que anunciará sua resposta dentro de 24 horas", disse Sherry Rehman, ministra de Informação, a jornalistas em Islamabad. Zardari é viúvo da ex-primeira-ministra paquistanesa Benazir Bhutto, morta em um atentado no fim do ano passado. Também hoje, a comissão eleitoral paquistanesa informou que os parlamentares deverão eleger o novo presidente do país no próximo dia 6 de setembro. O eleito substituirá Pervez Musharraf, que renunciou ao cargo na última segunda-feira, para escapar de um processo de impeachment movido pela oposição. O secretário da comissão, Kanwar Dilshad, disse que as candidaturas poderão ser registradas a partir do próximo dia 26. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.