Vôo especial retira 85 estrangeiros do Líbano, via Damasco

Um primeiro grupo de 85 estrangeiros foram retirados do Líbano neste sábado, segundo fontes do ministério do Exterior da Grécia. Eles deixaram o país por uma estrada até Damasco, na Síria, de onde saiu o vôo especial da companhia grega Olympic Airlines. No embarque haviam 53 gregos, 20 cipriotas, oito franceses, dois britânicos, um italiano, um tcheco, um norte-americano e outras cinco com dupla nacionalidade.Escoltados por forças de segurança libanesas, dois ônibus transportaram os retirados até o aeroporto internacional de Damasco, com destino aos aeroporto de Larnaca, em Chipre. Em seguida, o vôo seguiu para Atenas.O ministério de Assuntos Exteriores grego anunciou que outro avião partirá ainda neste sábado para Damasco e irá buscar outros 64 gregos, 46 cipriotas e 26 cidadãos de diversas nacionalidades. A previsão é de que esse segundo avião aterrisse no domingo em Atenas.De acordo com dados oficiais, existem 2.500 gregos residentes no Líbano e muitos deles querem ser repatriados para o seu país de origem.Uma linha telefônica de emergência direta foi estabelecida pelo ministério para dar informações sobre cidadãos gregos no Líbano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.