Vôo recebe ameaça de bomba na Noruega

Um vôo das Linhas Aéreas Escandinavas (SAS) com 139 pessoas a bordo voltou hoje para o aeroporto de Tromsoe, no norte da Noruega, logo após a decolagem, depois de sofrer uma ameaça de bomba. Os 133 passageiros e seis tripulantes deixaram o avião com segurança. Todos os que estavam a bordo foram detidos pela polícia até que suas identidades pudessem ser checadas. "Fizemos a checagem completa das identidades de todos os que estavam na aeronave", afirmou o chefe da polícia de Tromsoe, Arvid Isaksen. O porta-voz da SAS, Siv Mesingseth, disse que uma pessoa não-identificada, falando norueguês, "fez uma ameaça de terror contra o vôo SK381", num telefonema para o serviço de reservas da companhia aérea. Especialistas do Exército norueguês e cães treinados chegaram sete horas depois das ameaças a Tromsoe, a cerca de 1,2 mil quilômetros ao norte de Oslo, a fim de revistar todas as bagagens em busca de possíveis explosivos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.