Votações locais testam novo governo de Roma

A Itália deu início ontem a dois dias de votações locais em 942 municípios, a primeira disputa desse tipo desde que o primeiro-ministro Mario Monti assumiu o governo em Roma. Estima-se que o resultado das urnas servirá como um teste para a eleição geral de 2013. A crise da dívida na Itália embaralhou o jogo político e a centro-direita, antes dominada pelo ex-premiê Silvio Berlusconi, parece estar perdendo espaço para outros grupos. Monti é tido como uma "solução técnica" ao desequilíbrio no Parlamento e na economia.

O Estado de S.Paulo

07 Maio 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.