Vulcão na ilha Anak Krakatau deixa Indonésia em alerta

O governo da Indonésia alertou turistas e pescadores para que fiquem longe da ilha vulcânica de Anak Krakatoa, após uma pequena erupção ocorrida no fim de semana. O vulcão localizado no Estreito de Sunda lançou cinzas a uma distância de 400 metros.

AE, Agência Estado

04 de setembro de 2012 | 13h13

O Anak Krakatoa, que significa "Filho de Krakatoa", surgiu em 1930, resultado das mesmas forças tectônicas que causaram a erupção do antigo Krakatoa, em 1883, que matou cerca de 36 mil pessoas.

O especialista em vulcões do governo Surono (que como muitos indonésios possui só o primeiro nome) pediu que os moradores da região permaneçam calmos. A área em alerta é aquela dentro de um raio de 1 km em torno do vulcão. De acordo com Surono, a atividade vulcânica diminuiu. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Indonésiavulcãoalerta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.