'Washington Post' e 'Guardian' vencem Pulitzer por cobertura do caso NSA

Jornais venceram com as reportagens sobre a espionagem envolvendo a agência americana

O Estado de S. Paulo,

14 de abril de 2014 | 16h12

WASHINGTON - Os jornais The Washington Post e The Guardian venceram o prêmio Pulitzer na categoria serviço público pela cobertura do caso de espionagem envolvendo a Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA). O resultado do maior prêmio jornalístico foi anunciado nesta segunda-feira, 14.

As reportagens, feitas a partir de milhares de documentos entregues pelo ex-técnico Edward Snowden, foram publicadas pela primeira vez em junho nos dois jornais. A cobertura mostrou que a NSA coletou informações de milhões de telefonemas e e-mails de americanos, calcada em leis antiterrorismo aprovadas após o atentado de 11 de setembro de 2001.

Os jornais também revelaram como alguns programas eram usados para espionar aliados políticos, o que indignou líderes de outros países./ AP

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.