Websfera

THE INDEPENDENT

, O Estado de S.Paulo

29 de junho de 2010 | 00h00

Linha pró-aborto irrita islâmicos no Paquistão

"Anti-islâmica e colonial." Assim foi tachada por líderes políticos muçulmanos a linha telefônica criada no Paquistão para mulheres decididas a abortar - 890 mil gestantes o fazem clandestinamente ao ano no país. A lei islâmica proíbe a iniciativa, a menos que a vida da mãe esteja em perigo.

THE ARIZONA REPUBLIC

Calor mata imigrantes que fogem de controles

Quadruplicou o número de pessoas mortas ao entrar ilegalmente nos EUA por El Paso e San Diego, no Arizona. Foram 88 em um ano. A região, cuja temperatura chega a 46° C., tem menos barreiras do que a média.

THE NEW YORK TIMES

Islandeses elegem

o "Melhor Partido"

O comediante Jon Gnarr criou o "Melhor Partido" para satirizar a política islandesa. Prometeu um parque de diversões no aeroporto e toalhas grátis em piscinas. Acabou eleito prefeito "por acidente".

CNN

Pescadores do Vietnã travam retirada de óleo

Um terço dos pescadores do Golfo do México são vietnamitas - a área de New Orleans abriga a maior colônia fora do Vietnã. Como não entendem inglês, têm prejudicado os trabalhos para a retirada do óleo vazado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.