, O Estado de S.Paulo

27 de novembro de 2010 | 00h00

Contra a guerrilha, Índia gasta em comida

Rebeldes maoistas desafiam o Estado indiano em 35 distritos. Para combatê-los, o governo reservou US$ 3 bilhões. Não os gastará em armas. A estratégia é investir em alimentos, escolas, hospitais e estradas durante três anos. O governo notou que o maior apoio aos rebeldes coincide com zonas paupérrimas, nas quais se omite há décadas.

SCOOP

Darth Vader dá prejuízo à Christie"s

Leiloeiros da britânica Christie"s superestimaram o lado negro da força. Esperava-se que a roupa do vilão Darth Vader, da série Guerra nas Estrelas, fosse vendida por um valor entre US$ 250 mil e US$ 365 mil. O maior lance foi de US$ 230 mil.

THE GUARDIAN

"Falso taleban" causa discórdia internacional

Um impostor se passou por líder taleban, negociou com o presidente afegão, Hamid Karzai, e embolsou uma fortuna. Karzai atribui o erro aos britânicos. Estes culpam um desempregado: o general Stanley McChrystal, destituído em junho por Obama.

THE TELEGRAPH

Avó de Obama reza para ele virar muçulmano

"Rezei para Obama se converter ao islamismo", revelou a avó queniana do presidente americano, Sarah Omar, de 88 anos, ao jornal saudita Al-Qatan. Segundo Sarah, ela fez o pedido durante uma recente peregrinação a Meca, com um filho e quatro netos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.