Rodrigo Cavalheiro, O Estado de S.Paulo

25 de janeiro de 2011 | 00h00

Geórgia declara guerra idiomática à Rússia

Antiga república soviética, a Geórgia recrutou mil pessoas para uma missão: livrar o país da desconfortável influência de Moscou. Os contratados não são soldados, mas professores que deverão transformar o inglês na segunda língua do país, superando o russo. Com os 500 que ainda devem chegar, a meta é ter um professor em cada escola.

USA TODAY

Pais de atirador do Arizona ganham apoio

Os pais de Jared Loughner, o atirador que matou seis e feriu uma deputada no Arizona há 20 dias, ganharam um apoio inusual. Parentes de outros matadores famosos, como o irmão do terrorista Unabomber, ofereceram-se para falar sobre a experiência.

THE GUARDIAN

Hackers invadem Facebook de Sarkozy

Após e invadir o e-mail do presidente francês, Nicolas Sarkozy, hackers deixaram uma mensagem em que ele desistia de concorrer à reeleição. Quando Sarkozy desmentiu a informação mais de 200 mil pessoas já apoiavam sua falsa despedida.

VENEZUELANA

9,6%

das casas prometidas pelo venezuelano Hugo Chávez foram erguidas. O país tem parcerias em habitação popular com Cuba, China, Bielo-Rússia, Irã, Uruguai e Brasil

WORLD NEWS

Prefeito de Nova York irrita taxistas

É tão difícil pegar um táxi em Nova York que a luta por um deles é vista com frequência no cinema. A saída, para o prefeito Michael Bloomberg, é deixar os passageiros dividirem a corrida em certos bairros. Os taxistas realizam protestos para dissuadi-lo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.