Rodrigo Cavalheiro, O Estado de S.Paulo

18 de março de 2011 | 00h00

POLÍTICO

Hillary quer distância da política após 2012

Hillary Clinton não quer continuar como secretária de Estado caso Barack Obama seja reeleito em 2012. A pasta da Defesa não a seduz e, surpresa para muitos, não está nos seus planos tentar a Casa Branca em 2016. Em entrevista à CNN, Hillary prometeu deixar a vida pública no ano que vem. Quer mais tempo com a família e a advocacia.

USA TODAY

Americanos brancos estão vivendo mais

A boa notícia para os americanos é que eles estão vivendo mais - a média de idade passou de 78 para 78,2 entre 2008 e 2009. A má é que o aumento constatado no primeiro ano do governo de Barack Obama não beneficiou os negros americanos.

THE NEW YORK POST

IPad2 dobra de preço no mercado negro chinês

Nos EUA, o iPad2 é vendido por US$ 829. Menos da metade do que chineses ansiosos pagam (US$ 2 mil) pela novidade no mercado negro. Em Hong Kong, as prateleiras estão repletas de aparelhos da nova versão, mas o modelo antigo é o preferido.

CUBANA

113 mil

cubanos conseguiram licença para trabalhar como autônomos. Pelo menos 20% dos pedidos são

para a área de produção e venda de alimentos

S. FRANCISCO CHRONICLE.

Liberdade de espião custou US$ 1,4 milhão

Os afegãos são rigorosos com acusados de assassinato. Por isso, o agente da CIA Raymond Allen Davis estava preocupado. Havia matado dois afegãos. A alegação de legítima defesa não convenceu, mas US$ 1,4 milhão pago às famílias encerrou o caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.