, O Estado de S.Paulo

06 de dezembro de 2010 | 00h00

FBI abre investigação contra boneca Barbie

O FBI abriu uma investigação contra uma boneca Barbie que tem uma câmera escondida em seu colar. De acordo com o órgão, o brinquedo - recém lançado pela Mattel - pode ser utilizado por pedófilos na criação de pornografia infantil, já que a câmera tem alta qualidade e pode gravar aproximadamente 30 minutos de imagem.

THE HUFFINGTON POST

Imigrantes ilegais dão sangue por cidadania

Um grupo de jovens imigrantes ilegais nos EUA decidiu doar sangue para mostrar que podem ser "bons cidadãos" do país. Segundo os jovens, a ação também tem como objetivo mostrar que eles estão dispostos a prestar trabalhos comunitários.

ASSOCIATED PRESS

Líder filipino desabafa sobre vida amorosa

O presidente das Filipinas, Benigno Aquino III, acusou a imprensa de "arruinar" sua vida amorosa. Aquino disse que passará o Natal sozinho porque nenhuma mulher quer iniciar um relacionamento com ele por "medo" do assédio da mídia.

TIME

Cientista faz mais clones da ovelha Dolly

Dolly, a ovelha que ficou famosa ao tornar-se o primeiro mamífero clonado, em 1996, está de volta. O cientista Keith Campbell afirmou que clonou mais quatro ovelhas usando as mesmas células que foram utilizadas para a criação de Dolly há 14 anos.

TECNOLÓGICAS

20%

dos divórcios nos EUA estão relacionados a casos de infidelidade que começaram no Facebook, indicou uma pesquisa feita por advogados do país

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.