WSJ: Hillary Clinton permanece internada, afirma jornal

A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, deixou rapidamente o hospital em Nova York, onde estava internada desde domingo, acendendo as especulações de que havia tido alta e que seguiria para casa. Entretanto, ela permanece internada, depois de ir rapidamente a um outro prédio no grande complexo hospitalar New York City, como informou o The Wall Street Journal.

EQUIPE AE, Agência Estado

03 de janeiro de 2013 | 02h40

Fotos e vídeos mostram Hillary caminhando até um carro, usando óculos escuros e um casaco, acompanhada de seu marido, Bill Clinton, e sua filha Chelsea. A secretária de Estado, aparentemente, retornou depois ao hospital, como informou o jornal.

Ela foi levada ao Hospital Presbiteriano de Nova York/Columbia no domingo para tratar de um coágulo sanguíneo em sua cabeça. O coágulo, descoberto durante um exame realizado também no domingo, foi o mais recente revés à saúde de Hillary, que ficou doente com um vírus estomacal durante uma viagem ao exterior, em seguida desmaiou e caiu, sofrendo uma concussão. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAHillary Clinton

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.