Xangai sofre com as chuvas mais fortes dos últimos 70 anos

Naquela cidade, três mil lares foram inundados e dois mil passageiros estão isolados nos aeroportos

Efe

31 de julho de 2009 | 04h18

A cidade de Xangai, a capital econômica da China, sofreu nesta quinta-feira, 30, com as chuvas mais fortes dos últimos 70 anos, que inundaram três mil lares e deixaram dois mil passageiros isolados nos aeroportos da cidade, informou nesta sexta-feira, 31, a agência oficial Xinhua.

 

O Departamento Meteorológico de Xangai chegou a declarar alerta vermelho, o mais alto nível de alarme diante de tempestades, devido às enchentes e ao corte nas comunicações em alguns distritos da cidade.

As margens do rio Huangpu, que cruza Xangai, ficou com a pior parte da tempestade. O nível da água ficou 13 centímetros acima do normal.

 

No total, 68 voos sofreram atrasos no aeroporto internacional de Pudong, enquanto oito aviões tiveram que mudar sua rota e para o outro aeroporto da cidade, Hongqiao, ou para o da vizinha cidade de Nanquim.

 

As chuvas também provocaram interrupção no tráfego em mais de 70 ruas, além de derrubarem árvores que danificaram veículos e peças do mobiliário urbano. Não houve registro de vítimas fatais por causa do ocorrido.

Tudo o que sabemos sobre:
Xangaichuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.