Xiitas atacam comboio americano no Iraque

Milícias xiitas ligadas ao clérigo Muqtada al-Sadr atacaram ontem à noite um comboio americano no sul do Iraque, deixando dois soldados mortos. Pouco depois do ataque, veículos americanos foram incendiados, informaram testemunhas. Outros dois soldados foram mortos em Bagdá. Forças britânicas combateram a milícia al-Mahdi, de al-Sadr, durante 12 horas em Amarah. Os embates se seguiram até hoje pela manhã (horário local), e deixaram cinco iraquianos mortos e oito soldados britânicos feridos. Desde que a onda de violência na região começou em 1 de abril, 144 soldados americanos e 1200 iraquianos morreram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.