Xiitas depõem governador nomeado pelos EUA no Iraque

Cerca de 10.000 seguidores de um líder xiita radical forçaram o governador nomeado pela coalizão que ocupa o Iraque a abandonar seu gabinete na cidade de Nasiriya, insistindo que só reconhecerão a autoridade de líderes eleitos. ?Não a Israel, não ao imperialismo, não à América?, cantava a multidão.O movimento contra o governador Sabri al-Roumaith foi liderado por Muqtada al-Sadr, um rival do maior líder xiita do país, o grão-aiatolá Ali al-Husseini al-Sistani, que se opõe à nomeação de autoridades pelas forças de ocupação.A multidão ecoou a posição de al-Sistani, de que autoridades sem voto não têm lugar no exercício do cargo. Os manifestantes carregavam placas com os dizeres ?Não às nomeações, sim às eleições?. As tropas italianas que garantem a segurança de Nasiriya não se envolveram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.