Yoani Sanches revela detalhes de sua prisão

Libertada na última sexta (5) após 30 horas de prisão por tentar cobrir o julgamento do espanhol Angel Carromero, a blogueira Yoani Sánchez relatou ao jornal El País, da Espanha, a experiência na prisão cubana. Em seu artigo, publicado ontem (6), Yoani conta como foi sua rotina do momento em que foi detida - "o efetivo policial tinha as dimensões de uma operação para deter um narcotraficante ou um assassino em série" - até a hora de sua libertação, quando conclui: "O meu caso foi só um tropeço. O grande drama continua sendo a morte de dois homens e a prisão de outro".

O Estado de S.Paulo

07 de outubro de 2012 | 03h01

A blogueira lembrou ainda momentos de tensão, como quando, segundo ela, três soldados tentaram tirar suas roupas. "Resisti e paguei o preço", afirmou Yoani, que também revelou que se negou a comer e beber durante todo o período em que esteve presa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.