Zelaya chega à República Dominicana

O presidente deposto de Honduras, José Manuel Zelaya, chegou na noite desta quarta-feira a Santo Domingo, na República Dominicana, onde foi recebido com honras militares. Zelaya desembarcou na capital dominicana ao lado do presidente dominicano Leonel Fernández e foi recebido em peso pelo gabinete do governo local.

AE-AP, Agencia Estado

27 de janeiro de 2010 | 23h06

"Era uma obrigação moral da República Dominicana fazer tudo ao seu alcance para conseguir o respeito aos direitos humanos, o salvo-conduto para que Zelaya pudesse sair e também a contribuição para conseguir a paz nacional", disse Fernández em discurso. Segundo ele, o golpe de Estado que afastou Zelaya da presidência, em 28 de junho de 2009, foi uma "afronta" a toda a América Latina. Em 21 de setembro, Zelaya voltou escondido a Tegucigalpa e se abrigou na embaixada brasileira, onde ficou até o final da tarde de hoje, quando partiu com Fernández para Santo Domingo.

Zelaya agradeceu ao presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, ao chanceler brasileiro Celso Amorim e ao assessor presidencial Marco Aurélio Garcia a proteção diplomática dada pelo Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
HondurasCriseZelaya

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.