Zelaya registra partido e lança candidatura da esposa

O ex-presidente de Honduras, José Manuel Zelaya, registrou nesta terça-feira seu novo partido político. O registro permite ao ex-mandatário, derrubado por um golpe de estado em junho de 2009, disputar novamente as eleições presidenciais no país centro-americano em 2013. Mas Zelaya, aparentemente, pretende lançar a candidatura da sua esposa, Xiomara Castro.

AE, Agência Estado

13 de março de 2012 | 20h08

O Tribunal Eleitoral de Honduras informou nesta terça-feira que o partido de Zelaya foi registrado como o da Liberdade e Refundação (Libre, na sigla em espanhol). O tribunal disse que o político apresentou nesta terça-feira 62 mil assinaturas para registrar o partido, bem acima das 42.290 exigidas. Zelaya disse que Xiomara será a candidata do Libre à presidência em 2013.

Zelaya foi derrubado por um golpe de estado em 2009, um ato que isolou Honduras no cenário internacional. Ele voltou à Honduras após a Colômbia e a Venezuela negociarem um acordo político com o governo interino hondurenho em 2011.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.