Zona do euro terá supervisor bancário até fim de 2013

Klaas Knot, membro do conselho do Banco Central Europeu (BCE), disse neste domingo esperar que um novo supervisor para os bancos da zona do euro esteja em vigor até o fim de 2013. "Deve ocorrer mais para o fim de 2013 do que para o começo. É uma operação muito complexa, que leva tempo", afirmou Knot, que também chefia o banco central da Holanda, em uma entrevista à televisão pública holandesa.

Agência Estado

21 de outubro de 2012 | 11h53

Os líderes europeus concordaram na sexta-feira em ter em funcionamento um novo supervisor para os bancos da zona do euro no próximo ano, um passo que vai abrir o caminho para o fundo de resgate do bloco injetar capital diretamente nos bancos. A legislação para criar o supervisor, que ficará sob a autoridade do BCE, deve ser concluída este ano.

Na entrevista, Knot também manifestou apoio à proposta da Alemanha de dar poderes a um comissário europeu sobre orçamentos nacionais. "A crise do euro mostrou que as decisões sobre orçamentos nacionais não dizem respeito apenas às economias nacionais, mas às outras 16 nações (na zona do euro)", afirmou. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EuropasupervisorKlass Knot

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.