Le Monatère dês Augustines
Le Monatère dês Augustines

Turistas procuram roteiros de bem-estar

Viajantes querem unir destinos culturais a opções de cuidados com o corpo e a mente

Elaine Glusac, The New York Times

05 Julho 2018 | 10h15

O spa saiu do edifício. Esses lugares, que outrora distribuíam mimos, estão expandindo suas operações, e agora incluem viagens de aventura, hotéis especiais e até mesmo programação cultural sob a bandeira das viagens de bem-estar.

“As viagens de bem-estar estavam tradicionalmente associadas à experiência do spa”, disse Anne Dimon, presidente da Wellness Tourism Association, que reúne parceiros do setor com a finalidade de promover a categoria. “Hoje, elas estão mais relacionadas à alimentação e a oportunidades para cuidar da boa forma e desfrutar da natureza”.

O Peninsula Hot Springs, perto de Melbourne, na Austrália, está construindo mais sete piscinas de água mineral em frente a um anfiteatro, permitindo que os clientes desfrutem dos benefícios da água enquanto assistem a um concerto. Os diretores do spa utilizam divisões dos quartos dos hotéis Mandarin Oriental para consultas, visando encorajar o sono. E isso vale também para o pessoal dos bastidores. Todas as manhãs, os funcionários do spa do Barceló Gran Faro Los Cabos devem fazer aulas de ioga.

A programação cultural também faz parte do programa de fitness. No novo Amanyangyun, perto de Xangai, os hóspedes podem aprender um tipo de artesanato que propicia a meditação, praticando caligrafia e pintura.

Os novos programas a seguir visam tornar a pessoa mais preparada fisicamente, mais saudável e mais bem alimentada.

Novos roteiros: operadoras de turismo exclusivamente para mulheres trabalham há muito tempo com a preocupação do bem-estar em seus itinerários, combinando caminhadas ou safáris com ioga e meditação. Aperfeiçoando este gênero, a Super-She Island, na Finlândia, receberá dez mulheres de cada vez (com permanência de uma semana custa 4 mil euros, ou cerca de US$ 4.700).

O Waldhotel, que fica na Suíça, tem 160 quartos e é dedicado ao bem-estar, hospeda o Health & Medical Center Excellence, um centro médico de 3.400 metros quadrados com uma equipe de médicos em especialidades como dermatologia e ortopedia. Oferece ainda check-ups, planejamento para perda de peso e outros serviços (programas de três dias de duração a partir de 4.040 francos suíços, ou cerca de US$ 4.045).

Sessões de quietude: para fugir das exigências da tecnologia que nos perseguem 24 horas por dia, sete dias por semana, muitos procuram a tranquilidade na natureza ou no silêncio. Quando não faz retiros de silêncio, o Eremito, que fica na Umbria, Itália, e foi desenvolvido como um mosteiro histórico, oferece oficinas de canto gregoriano. O Mandarin Oriental realiza noites silenciosas em seus spas, onde a conversação é desencorajada. Na cidade de Quebec, o mosteiro Le Monastère des Augustines, do século 17, oferece quartos no claustro original, café da manhã servido em silêncio, oficinas de pintura e oportunidades para ouvir as freiras cantando.

O conceito japonês de shinrinyoku, ou banho na floresta, oferece uma suave caminhada consciente, na qual as pessoas são encorajadas a ouvir os pássaros, notar os desenhos das folhas e observar os insetos. É o que apresentam aos seus hóspedes o Ojai Valley Inn & Spa, no Sul da Califórnia, e a Blackberry Farm, no Tennessee.

Cruzeiros com ordem: em maio de 2019, o setor terá sua primeira linha de navios de cruzeiros do bem-estar da Blue World Voyages. O projeto prevê a transformação de um navio para 900 passageiros em um para 350 passageiros, onde o nível superior será transformado em um spa e decks para relaxar. Instalações para uma academia completa incluirão ioga e bicicleta e simuladores de golfe e futebol, enquanto áreas protegidas especiais para o beisebol ocuparão outro nível. Roteiros com a duração de sete noites pelo Mediterrâneo custarão a partir de US$ 3.400 por pessoa.

Fitness ao extremo: para os viajantes atléticos, uma nova categoria de viagens de fitness ao extremo lança novos desafios.

Wim Hof, chamado o Homem de Gelo, estabeleceu recordes por suportar ambientes extremos, como nadar sob o gelo. Agora os fãs podem aprender seu método durante férias de sete dias nos Pirineus espanhóis, em junho e julho (1.799 euros).

Dedicado à boa forma, o resort BodyHoliday, em St. Lucia, permite que os hóspedes se inscrevam no quadrathlon, um tour com a prática de quatro esportes nesta ilha do Caribe.

Mais conteúdo sobre:
turismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.