Abbas descarta acordo de paz com Israel ainda este ano

Presidente da Autoridade Palestina diz que eleições nos EUA e em Israel roubaram a atenção das negociações

Reuters,

03 de novembro de 2008 | 11h39

Israelenses e palestinos não estão aptos para chegar a um acordo de paz antes do prazo estabelecido por Washington de até o final deste ano, disse nesta segunda-feira, 3, o presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas. "Eu não acredito que seja possível chegar a um acordo até o final deste ano, uma vez que as administrações dos Estados Unidos e de Israel estão agora muito ocupadas com outros problemas, e o tempo é muito curto para se chegar a um acordo", disse Abbas, durante o início de uma visita de dois dias à Romênia. "Eu gostaria de dizer que após os processos de eleições terem acabado, nós vamos retomar as negociações e os contatos para esclarecer todos os pontos da discussão. Nós vamos tentar fechar esses temas porque até agora nenhum foi definido", disse ele. O Estados Unidos escolhem seu próximo presidente na terça-feira, enquanto Israel tem eleição parlamentar marcada para 10 de fevereiro de 2009. No último ano, Washington lançou uma campanha para a paz entre os dois povos durante uma conferência em Annapolis, com a esperança de conduzir israelenses e palestinos a um acordo de paz antes que o presidente norte-americano, George W. Bush, encerre seu mandato, em janeiro.

Tudo o que sabemos sobre:
Israelpalestinos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.