Ahmadinejad visitará o Turcomenistão para inaugurar gasoduto

Presidente do Irã também assinará acordos para impulsionar cooperação econômica com o governo turcomano

Efe,

30 de dezembro de 2009 | 07h29

O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, visitará o Turcomenistão nos dias 5 e 6 de janeiro para inaugurar um segundo gasoduto que ligará o país ao Irã, informou nesta quarta-feira, 30, a embaixada iraniana na capital turcomena, Achkabad.

 

Ahmadinejad e o presidente do Turcomenistão, Kurbanguly Berdymukhamedov, assistirão à inauguração do gasoduto que vai da jazida turcomena de Dovletabad (uma dos maiores do país centro-asiático, localizada na região sudeste) ao Irã.

 

O gasoduto, com uma capacidade total de 12 bilhões de metros cúbicos anuais, vai se juntar ao primeiro, inaugurado em dezembro de 1997, que transporta ao Irã gás da jazida de Korpedzhe, no oeste do Turcomenistão, de 200 quilômetros de comprimento e potência de oito bilhões de metros cúbicos ao ano.

 

Bardimujammédov e Ahmadinejad assinarão, além disso, acordos para impulsionar a cooperação econômica entre os dois países, cujo comércio bilateral superou em 2008 os US$ 3 bilhões.

 

Os Governos abordaram a possibilidade de aumentar no futuro as entregas de gás ao Irã até 20 bilhões de metros cúbicos por ano.

 

O Turcomenistão, que atualmente extrai cerca de 80 bilhões de metros cúbicos anuais, tenta diversificar suas exportações, com envios ao Irã, China, Rússia e Europa, através do futuro gasoduto Nabucco, financiado pela União Europeia (UE) e apoiado pelos Estados Unidos.

Tudo o que sabemos sobre:
AhmadinejadTurcomenistaogasoduto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.