'Amigos da Síria' pedirão cessar-fogo em encontro na sexta-feira

Potências ocidentais e árabes pedirão na sexta-feira, durante reunião em Túnis, que a Síria implemente um cessar-fogo imediato para permitir que grupos de ajuda enviem suprimentos às áreas mais fortemente atingidas pela violência no país, segundo esboço de declaração obtido pela Reuters.

REUTERS

23 de fevereiro de 2012 | 15h43

O esboço de conclusão do encontro dos "Amigos da Síria" também "reconhece o Conselho Nacional Sírio como representante legítimo dos sírios que buscam mudança democrática pacífica", uma frase que fica ligeiramente aquém de um endosso total ao grupo mais proeminente de oposição ao presidente sírio, Bashar al-Assad.

(Reportagem de Dominic Evans)

Tudo o que sabemos sobre:
SIRIAAMIGOSCESSAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.