Apesar de cessar-fogo, novo projétil é lançado de Gaza para Israel

Os disparos ativaram as sirenes antiaéreas; até o momento as forças israelenses não responderam ao ataque

EFE

15 Julho 2018 | 05h35

JERUSALÉM - O Exército de Israel interceptou um dos dois projéteis lançados esta madrugada a partir da Faixa de Gaza que violaram pela segunda vez nas últimas horas o cessar-fogo anunciado na noite de sábado, 14, entre as milícias palestinas e Israel, que por enquanto não respondeu ao ataque.

Os disparos ativaram as sirenes antiaéreas no conselho regional de Haneguev, segundo o Exército, que antes tinha informado do ataque de uma plataforma de lançamento na Faixa desde a qual se tinham disparado dois morteiros.

+++ Israel bombardeia pontos da Faixa de Gaza após ataques do Hamas

Um pouco antes, por volta da meia-noite, os movimentos islamitas Hamas e Jihad Islâmica tinham anunciado um acordo para parar a escalada de tensão das últimas horas, a pior entre as partes desde a operação militar de 2014 contra o território litorâneo sob bloqueio.

O Exército advertiu ontem de "represálias" contra o Hamas por causa dos "diferentes tipos de terrorismo que causaram danos significativos a comunidades israelenses" nos últimos meses, como ataques contra a cerca de separação, lançamento de artefatos incendiários e explosivos, e disparo de foguetes, dos quais responsabilizou os islamitas. /EFE

Mais conteúdo sobre:
Israel [Ásia] Faixa de Gaza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.