Foto: Mike Segar|Reuters
Foto: Mike Segar|Reuters

Árabes boicotarão discurso de Pence no Parlamento de Israel

Vice presidente dos EUA falará ao Parlamento de Israel na segunda-feira

O Estado de S.Paulo

21 Janeiro 2018 | 12h21

TEL AVIV- Os deputados árabe-israelenses boicotarão o discurso que o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, fará nesta segunda-feira (22) no Knesset, o Parlamento de Israel, em Jerusalém.  O líder da aliança Lista Unida - que reúne quatro partidos árabes e possui 13 dos 120 assentos no Knesset -, Ayman Odeh, definiu Pence como "perigoso" e dotado de uma "visão messiânica" que coloca toda a região em risco.   

O presidente Donald Trump despachou seu vice para o Oriente Médio após ter reconhecido Jerusalém como capital israelense, em uma decisão que provocou protestos em todo o mundo islâmico e comprometeu o papel dos EUA como mediadores no processo de paz com a Palestina.   

+ Viagem de Trump a Davos pode ser comprometida caso governo paralise

"Considero vergonhoso que alguns deputados planejem boicotar essa importante visita e tentem perturbá-la. Nós estaremos lá para dar a Pence a honra que ele merece", afirmou neste domingo (21) o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu.    Pence chegará a Jerusalém ainda neste domingo, após ter passado por Egito e Jordânia. Na manhã de segunda-feira, ele será recebido por Netanyahu, e o discurso no Parlamento deve ocorrer à tarde. Ele não deve se reunir com nenhum líder palestino.    (ANSA)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.