Ataque à casa de líder de partido turcomano mata 6 no Iraque

Dirigente da Frente Turcomana do Iraque (FTI) está gravemente ferido e dois de seus filhos morreram

Efe,

29 Julho 2007 | 03h50

Seis pessoas morreram e outra ficou ferida na noite de sábado, 28, no ataque de um grupo armado à casa de um responsável da Frente Turcomana do Iraque (FTI), o principal partido desta minoria étnica no país.   Segundo fontes do Ministério de Interior iraquiano, oito homens atiraram nas sete pessoas que estavam na casa, situada na localidade de Yankaya, ao leste de Tikrit, capital da província de Salah ad-Din, ao norte de Bagdá.   O dirigente do FTI, que as fontes não identificaram, ficou gravemente ferido, enquanto dois de seus filhos perderam a vida.   A ação deste sábado aparentemente faz parte de uma série de ataques contra alvos turcomanos, já que no começo deste mês mais de uma centena de membros dessa comunidade morreram num atentado com um caminhão-bomba perpetrado por um suicida, na aldeia de Amerli, de maioria turcomana.

Mais conteúdo sobre:
partido turcomano Iraque ataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.