Ataque a joalherias e casas de câmbio deixa 8 mortos no Iraque

Grupo armado atacou locais comerciais do bairro de Shuala, considerado um reduto xiita ao norte de Bagdá

Efe,

14 de outubro de 2009 | 10h53

Pelo menos oito pessoas morreram e 14 ficaram feridas em um assalto armado contra várias joalherias, casas de câmbio e comércios situados em um mercado em um bairro de Bagdá, informaram nesta quarta-feira, 14, algumas fontes.

 

Elas contaram que um grupo de homens armados atacou vários locais comerciais do bairro popular de Shuala, situado ao norte da capital do Iraque e considerado um reduto xiita.

 

Depois do assalto, os criminosos, de identidade desconhecida, dispararam indiscriminadamente contra as pessoas que estavam na zona comercial e lançaram três morteiros enquanto abandonavam a área, segundo as fontes.

 

A polícia chegou ao local após o assalto e montou um perímetro de segurança.

 

O ataque ocorreu após a retirada dos muros de concreto que separavam o bairro das zonas vizinhas com o objetivo de evitar episódios de violência.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.