Ataque contra posto policial mata 8 no centro do Paquistão

Não se sabe quem foram os autores do ataque que não deixou outros feridos

EFE,

07 de fevereiro de 2009 | 05h47

Pelo menos oito policiais morreram, neste sábado, depois que um grupo de homens armados atacou um posto de controle das forças de segurança na cidade de Mianwali, na região do Punjab, no centro do Paquistão, informou à Agência Efe uma fonte policial. "Por volta das 3h30 (20h30 de sexta em Brasília) foi registrada uma explosão no posto policial de Quadratabad. Depois, os insurgentes atiraram nos agentes", explicou o oficial da Polícia de Mianwali Malik Tassadaq Hayat. De acordo com o policial, ainda não se sabe quem foram os autores do ataque, que não deixou outros feridos. O canal privado "Geo TV" informou que o edifício ficou completamente destruído após a explosão. A região do Punjab, a mais populosa e próspera do Paquistão, não é cenário frequente de ataques, embora o distrito de Mianwali faça fronteira com a conflituosa Província da Fronteira do Noroeste, reduto de vários grupos talibãs e outras organizações extremistas. Quase oito mil pessoas morreram no ano passado em consequência da violência no Paquistão, onde aconteceram mais de dis mil atentados.

Tudo o que sabemos sobre:
ATAQUE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.