Ataque suicida a embaixada britânica no Afeganistão deixa ao 5 menos mortos

Um ataque suicida cometido por um homem que dirigia uma moto atingiu nesta quinta-feira um veículo da embaixada britânica em Cabul, capital do Afeganistão, e deixou ao menos cinco mortos e mais de 30 feridos, informaram autoridades.

REUTERS

27 de novembro de 2014 | 07h30

O Taliban, banido do poder pela coalizão liderada pelos Estados Unidos em 2001, assumiu a responsabilidade pelo ataque, o último de um série registrada em Cabul, no momento em que a maior parte das tropas estrangeiras se prepara para deixar o país no fim do ano.

O porta-voz do Ministério da Saúde Kaniska Turkistani informou que ao menos cinco civis morreram e outros 34 ficaram feridos.

Entre os mortos há um cidadão britânico, os demais eram afegãos, segundo comunicado do Ministério do Interior.

(Reportagem de Hamid Shalizi)

Tudo o que sabemos sobre:
AFEGANISTAOEMBAIXADABRITANICAATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.