Omar Sobhani/Reuters
Omar Sobhani/Reuters

Ataque suicida deixa mortos e centenas de feridos em Cabul

Carro-bomba explodiu junto à sede do Ministério do Interior e embaixada da Índia, no centro da capital afegã

Efe,

08 de outubro de 2009 | 04h23

Pelo menos quatro pessoas morreram e 63 ficaram feridas em um ataque suicida contra o Ministério afegão de Interior e próximo da embaixada indiana no Afeganistão, no centro de Cabul, nesta quinta-feira, 8. A estimativa foi feita pelo representante do Ministério afegão de Saúde, Sayed Kabir Amiri. De acordo com a agência Associated Press (AP), o número de mortos já chega a 12 e há outras 84 feridas no atentado.

 

De acordo com uma fonte policial, o ataque aconteceu quando um suicida detonou a carga que transportava em seu veículo no centro da capital afegã.

 

O atentado de acontece um dia depois do oitavo aniversário da invasão americana do Afeganistão. Por ocasião da data, os talebans afegãos emitiram um comunicado, na última quarta-feira, no qual asseguraram que continuarão lutando pela independência do país.

 

No último 17 de setembro, um total de 16 pessoas, seis delas soldados italianos, morreram e outras 52 ficaram feridas em um ataque suicida contra um comboio das tropas internacionais também no centro de Cabul.Em julho de 2008, mais de 50 pessoas, entre elas um diplomata indiano, morreram quando um suicida detonou a carga que transportava em seu veículo às portas da sede da legação diplomática indiana em Cabul.

Tudo o que sabemos sobre:
CabulAfganistãotalebanatentado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.