Ataques aéreos da Otan atingem bases militares em Trípoli

Complexo residencial de Kadafi pode ter sido alvo de bombardeios diurnos

REUTERS

07 de junho de 2011 | 07h45

 

TRÍPOLI - Ataques aéreos da Otan atingiram complexos da guarda popular e da guarda revolucionária da Líbia em Trípoli nesta terça-feira, 7, disse uma autoridade líbia.  

 

 

Veja também:

especialLinha do Tempo: 40 anos da ditadura na Líbia

especialInfográfico: A revolta que abalou o Oriente Médio

especialEspecial: Os quatro atos da crise na Líbia

Os raros ataques ocorridos durante o dia no centro da cidade, que atingiram a capital durante meia hora antes do meio-dia, provocaram colunas de fumaça cinza no céu.

Algumas das bombas pareciam ter atingido a vizinhança do complexo residencial do líder líbio Muamar Kadafi.

Uma autoridade líbia, que falou por meio de um auto-falante no hotel em que estão hospedados os jornalistas, disse que os ataques atingiram os complexos da guarda popular e da guarda revolucionária.

Ele não deu informações sobre vítimas e disse que não será possível para os repórteres visitar os locais, pois eles não são abertos a civis.

Os ataques da Otan em Trípoli têm se tornado frequentes nos últimos dias.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaataqueintervençãoOtanKadafi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.