AP/Mohammad Sajjad
AP/Mohammad Sajjad

Atentado junto a um tribunal de Peshawar deixa 11 mortos

Pelo menos 47 pessoas ficaram feridas em atentado suicida na região central da cidade paquistanesa

EFE,

07 de dezembro de 2009 | 08h12

Pelo menos 11 pessoas morreram e outras 47 ficaram feridas em um atentado suicida perpetrado nesta segunda, 7, junto a um tribunal de sessões da cidade noroeste paquistanesa de Peshawar, informou uma fonte policial.

 

O atentado aconteceu em uma região central da cidade, capital da Província da Fronteira Noroeste, quando o pessoal de segurança do tribunal deteve o suicida quando tentava entrar no prédio, disse o superintendente de polícia Karim Khan ao canal de televisão Dawn.

 

O terrorista, que acabava de chegar em um triciclo, detonou a carga explosiva que levava consigo, de cerca de seis ou sete quilos, segundo a polícia.

 

Os feridos, alguns deles em estado crítico, foram internados no hospital Lady Reading, enquanto as forças da ordem isolaram a área deJail Road entre cenas de confusão que mostravam os canais de televisão.

 

O tribunal de sessões fica em uma área sensível de Peshawar, perto da casa do governador provincial e de um hotel de deputados provinciais, por isso que a presença das forças de segurança é constante.

 

A cidade, com cerca de três milhões de habitantes, registrou no dia 19 de novembro outro ataque suicida nas imediações do Tribunal Superior provincial, que causou pelo menos 19 mortos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.