Atentados no Iraque deixam cinco mortos e 28 feridos

Explosões em série ocorrem um dia após declaração do principal dirigente da oposição iraquiana

Efe

28 de março de 2010 | 06h38

Pelo menos 5 pessoas morreram neste domingo, 28, e outras 28 ficaram feridas em cinco explosões ocorridas na cidade de Al Qaim, no oeste do Iraque, perto da fronteira com a Síria, informou uma fonte do Ministério do Interior.

 

Segundo informações preliminares, cinco artefatos explosivos foram detonados em uma área residencial no bairro de Al Risala, provocando grandes danos em várias casas. Por enquanto, os ataques não foram reivindicados por nenhum grupo.

 

Estes atentados em série ocorrem um dia após o principal dirigente da oposição iraquiana, Ayad Allawi, anunciar que iniciou negociações políticas para buscar um governo "forte". Allawi obteve uma acirrada vitória nas eleições do dia 7 de março.

 

A aliança comandada por Allawi obteve 91 dos 325 deputados do parlamento unicameral, enquanto a coalizão do atual primeiro-ministro, Nouri al-Maliki, obteve 89.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.