Bebida estragada mata 9 iranianos

Nove iranianos morreram após beber bebida alcoólica estragada em festas na cidade de Isfahan desde outubro, informou uma autoridade judicial neste domingo.

REUTERS

28 de novembro de 2010 | 11h21

O consumo de álcool está banido no Irã desde a revolução islâmica de 1979, mas a bebida é disponibilizada por fontes ilegais, contrabandeada do exterior ou feita localmente, com qualidade que varia bastante.

"Até agora, dúzias de pessoas foram envenenadas pelo uso de bebidas feitas em casa e de bebidas estragadas", disse a agência de notícias semi-oficial Fars, citando o promotor público de Isfahan, Mohammad Reza Habibi.

(Por Mitra Amiri)

Tudo o que sabemos sobre:
IRAALCOOLMORRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.