Bomba do Taliban destrói 22 caminhões da Otan no Afeganistão

Uma bomba deixada pelo Taliban destruiu 22 caminhões da Otan que transportavam suprimentos para suas forças no norte do Afeganistão, disseram a polícia e o Taliban nesta quarta-feira.

Reuters

18 de julho de 2012 | 09h25

Uma pessoa ficou ferida pela explosão da bomba, deixada entre 18 caminhões de combustível e quatro outros veículos de carga estacionados em Aibak, capital da província de Samangan, segundo a polícia

Em nota, o Taliban disse que "às 2h (hora local) o 'mujahideen' atacou os caminhões invasores da Otan" que haviam chegado do Uzbequistão.

Nessa mesma província, no sábado, um atentado suicida matou 23 pessoas num casamento, inclusive o pai da noiva, um parlamentar contrário ao Taliban.

A polícia da vizinha província de Baghlan disse ter prendido na quarta-feira dez supostos membros do Taliban com bombas magnéticas, que podem ser grudadas no fundo dos caminhões.

(Reportagem de Bashir Ansari)

Mais conteúdo sobre:
AFEGANISTAOOTANBOMBA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.