Bomba em estrada mata cinco civis no Afeganistão

Uma bomba na margem de uma estrada matoucinco civis afegãos que viajavam num táxi na província deHerlmand, sul do Afeganistão, afirmou uma fonte oficial daprovíncia nesta terça-feira. Uma outra pessoa ficou ferida. Um total de 1.977 civis foram mortos em atos violentosrelacionados à insurgência no país em 2007, segundo oEscritório de Segurança do Afeganistão, um órgão que monitora asegurança para organizações não-governamentais. O Taliban matoumais de 950 civis. O último incidente ocorreu numa estrada entre a capital daprovíncia, Lashkar Gah, e o distrito de Girishik. Morreram umamulher, uma criança e três homens. "A mina havia sido colocada recentemente por inimigos doAfeganistão, aparentemente visando afegãos e comboios de tropasestrangeiras", afirmou Hussain Andiwal, chefe da políciaprovincial. Separadamente, outros dois policiais afegãos foram mortos etrês outros ficaram feridos numa explosão também em estradacausada por uma bomba. Os policiais estavam em seu veículo napatrulha do sul da cidade de Kandahar na noite desegunda-feira, afirmou um policial. O ano passado foi o ano mais sangrento no Afeganistão desdeque forças afegãs coordenadas pelos Estados Unidos derrubaram oTaliban, em 2001, logo após os atentados de 11 de setembro nosEstados Unidos. (Reportagem de Hamid Shalizi)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.