Bombas em bicicleta e ônibus matam 8 no Iraque

Um bicicleta com explosivos matou cinco pessoas e feriu outras 37 em um mercado em Mussayab, ao sul de Bagdá, neste domingo, e uma bomba em um ônibus matou ao menos três pessoas em Kerbala, também ao sul do país, disseram policiais e autoridades de saúde.

REUTERS

01 Novembro 2009 | 10h50

Os explosivos no primeiro ataque foram colocados no compartimento de água da bicicleta. Mulheres e crianças estão entre os mortos e feridos, informou a polícia.

Mussayaba, a 60 quilômetros ao sul de Bagdá, é uma cidade habitada por sunitas e xiitas, mas o local onde a explosão ocorreu é predominantemente xiita.

No segundo incidente, 15 pessoas ficaram feridas, disseram autoridades hospitalares na cidade sagrada xiita de Kerbala, a 80 quilômetros de Bagdá. Um dos mortos foi um policial em um posto de controle. Fontes policiais afirmam que cinco pessoas morreram na explosão.

Os ataques têm a marca de insurgentes sunitas islâmicos como a Al Qaeda, que geralmente atacam áreas movimentadas, especialmente xiitas, mas muitos iraquianos também temem um aumento de rivalidades internas entre xiitas às vésperas da eleição parlamentar em janeiro.

(Reportagem de Khaled Farhan)

Mais conteúdo sobre:
IRAQUE BOMBA MORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.