Bombas explodem junto a sedes do Hamas em Gaza

A terceira bomba estava junto a um escritório de segurança no passeio marítimo

EFE,

30 de agosto de 2009 | 05h57

Duas bombas explodira

m e uma terceira foi desativada na madrugada passada nas proximidades das sedes do movimento islamita Hamas no oeste da Cidade de Gaza em atentados que não deixaram vítimas e cuja autoria se desconhece.

 

Segundo informaram hoje testemunhas, a primeira detonação aconteceu nas proximidades do quartel Ansar, utilizado por milicianos do Hamas, e a segunda junto à antiga residência do presidente palestino, Mahmoud Abbas, usada atualmente pelo movimento islamita.

 

A terceira bomba estava junto a um escritório de segurança no passeio marítimo, e foi desativada por artífices do Hamas.

 

Nenhuma organização tinha assumido no começo da manhã a colocação dos três artefatos explosivos.

Os atentados aconteceram depois que as forças de segurança do Hamas enfrentaram há duas semanas milicianos do também grupo radical islâmico Ansar Jond Allah (Os Guerreros de Deus) na cidade de Rafah, no sul de Gaza.

Tudo o que sabemos sobre:
EXPLOSÃOGAZA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.