Bombas matam 11 em restaurantes no centro de Bagdá

Bombas mataram pelo menos 11 civis no centro de Bagdá neste domingo, quando explodiram em dois restaurantes da capital iraquiana, afirmaram a polícia e membros de equipes de socorro.

REUTERS

25 de janeiro de 2015 | 10h16

A polícia afirmou que a explosão mais violenta aconteceu na praça Tahrir, quando uma bomba colocada em uma sacola plástica foi detonada perto de um restaurante popular. O ataque matou sete pessoas e deixou 11 outras feridas.

Em um incidente separado, quatro pessoas foram mortas e oito ficaram feridas quando uma bomba explodiu perto de um pequeno restaurante no distrito de Sibaa, no centro de Bagdá, afirmaram a polícia e médicos.

Não ficou imediatamente claro por que os restaurantes foram alvo dos ataques e nenhum grupo clamou responsabilidade pelas explosões.

Insurgentes islâmicos sunitas do Estado Islâmico, que controlam grandes partes de território no norte e oeste do Iraque, têm afirmado terem responsabilidade por uma série de explosões e ataques suicidas na capital iraquiana.

(Por Ahmed Rasheed)

Tudo o que sabemos sobre:
IRAQUEBOMBASONZEMORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.