Cabe aos líbios decidir o destino de Gaddafi, diz Sarkozy

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, disse na sexta-feira (horário local) que cabe aos líbios decidir o destino do líder Muammar Gaddafi.

REUTERS

24 de março de 2011 | 21h07

"O futuro da Líbia, as escolhas políticas da Líbia, incluindo o que eles decidirem fazer com Muammar Gaddafi e seus aliados, não são problemas nossos", afirmou Sarkozy em entrevista coletiva após discussões entre líderes da UE em Bruxelas, na Bélgica.

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIASARZOZYGADDAFI*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.