Caças de Israel bombardeiam prédios de insurgentes em Gaza

Ofensiva é lançada após Jihad Islâmica assumir ataque de maior distância contra o território israelense

REUTERS

03 de janeiro de 2008 | 10h40

Caças israelenses bombardearam nesta quinta-feira, 3, três prédios ligados à Jihad Islâmica na Faixa de Gaza, segundo o grupo militante e testemunhas.  Veja também: Ataque israelense mata seis militantes na Faixa de GazaOs ataques aéreos - que aparentemente não causaram vítimas - foram lançados pouco depois de a Jihad Islâmica e outro grupo militante terem conjuntamente assumido a responsabilidade por um foguete que atingiu a cidade israelense de Ashkelon, a 17 km de Gaza. Esta foi a mais longa distância que um foguete palestino já atingiu o território israelense, de acordo com o Exército. Uma porta-voz militar de Israel confirmou que a Força Aérea atacou em Gaza, mas não deu mais detalhes. O país raramente usa caças para ações na densamente povoada Gaza, preferindo no lugar o poder de fogo mais limitado de helicópteros e aviões teleguiados.  Na quarta-feira, Israel matou pelo menos seis militantes palestinos num ataque contra a Faixa de Gaza e prometeu continuar a pressão sobre os militantes no território controlado pelo Hamas. Em junho passado, os islâmicos do Hamas expulsaram da Faixa de Gaza as forças do Fatah, do presidente palestino Mahmoud Abbas, assumindo o controle no território costeiro. O Estado judaico lança operações regulares contra a Faixa de Gaza para tentar impedir seus militantes de disparar morteiros e foguetes de curto alcance contra o sul de Israel. 

Tudo o que sabemos sobre:
GazaIsrael

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.