Carros-bomba explodem e deixam 15 mortos e 42 feridos no Iraque

Explosões ocorreram em três cidades diferentes; autoridades acusam a Al-Qaeda

Efe e Reuters,

08 de novembro de 2010 | 07h02

Ônibus danificado pela explosão em Kerbala.

 

Atualizado às 19h08

 

BAGDÁ - Pelo menos 15 pessoas morreram e 38 ficaram feridas na explõsão de três carros-bomba nas cidades iraquianas de Kerbala, Najaf e Basra, informaram nesta segunda-feira, 8, fontes do Ministério do Interior.

 

Duas das explosões aconteceram em Kerbala e Najaf, e mataram dez pessoas, tendo como alvo peregrinos iranianos que estavam nas cidades, onde há um importante santuário xiita.

 

Kerbala é um lugar sagrado para os xiitas, já que ali se encontra o santuário de um neto de Maomé, Hussein, um dos 12 imãs xiitas mais venerados. Ele teria morrido pelas mãos do califa Omeya Yazid na batalha de Kerbala, no ano de 680.

 

Esta batalha representa o cisma entre xiitas, partidários que o califado permanecesse dentro da estirpe de Maomé, e sunitas, que optaram por um califa eleito pela comunidade.

 

Em Basra, cinco pessoas foram mortas e 42 ficaram feridas em uma explosão causada por um carro-bomba, segundo o vice-presidente do conselho provincial, Ahmed al-Sulaiti.

 

A autoridade relacionou o incidente às outras duas explosões, e acusou grupos de Al-Qaeda de estarem por trás dos atentados.

 

As tensões têm aumentado no Iraque e o país continua em um vácuo político oito meses após uma eleição inconclusiva.

 

Apesar de a violência ter diminuído desde seu ponto crítico durante os conflitos sectários entre 2006 e 2007, insurgentes ainda lançam ataques. Mais de cem pessoas morreram na semana passada quando homens armados invadiram uma igreja e uma série de explosões atingiu áreas xiitas de Bagdá.

Tudo o que sabemos sobre:
Iraqueterrorismocarro-bomba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.