Casa Branca adverte Turquia contra ação no norte do Iraque

Governo turco bombardeia supostos alvos de rebeldes curdos no vizinho e ameaça relações com os EUA

REUTERS

10 de outubro de 2007 | 15h04

A Casa Branca fez um alerta àTurquia nesta quarta-feira contra uma incursão militar no nortedo Iraque, devido a ataques de rebeldes curdos através dafronteira com o país. "Não achamos que seria o melhor lugar para as tropas iremao Iraque a partir da Turquia neste momento", disse a porta-vozDana Perino a repórteres, reiterando uma posição doDepartamento de Estado divulgada na véspera. "Acreditamos que podemos lidar com esta situação sem queisso seja necessário." O primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan, confirmou naquarta-feira que o governo está criando planos para autorizaruma incursão militar no norte do Iraque, a fim de combaterrebeldes curdos na área caso isso se torne necessário. "(Preparações sobre a proposta) começaram e continuam",disse Erdogan a repórteres ao chegar ao Parlamento do país. O Parlamento terá que dar autorização para que tropascruzem a fronteira rumo ao Iraque. Analistas políticos dizem que uma operação militar degrande escala é improvável, dada a oposição dos Estados Unidos,mas Erdogan vem sendo pressionado para agir com firmeza, apósuma série de ataques de rebeldes contra as forças de segurançada Turquia. (Por Matt Spetalnick)

Tudo o que sabemos sobre:
IRAQUECASABRANCATURQUIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.