Chefe de segurança palestino deixa o cargo após fracasso em Gaza

O chefe de segurançapalestino, Mohammad Dahlan, renunciou nesta quinta-feira, seissemanas depois que suas forças foram derrotadas por integrantesdo Hamas na Faixa de Gaza, informaram duas importantesautoridades à Reuters. Dahlan, 46, alegou razões médicas para deixar o cargo,disse uma importante autoridade em seu gabinete. O presidentepalestino, Mahmoud Abbas, aceitou a renúncia, segundo outrafonte. Ele foi duramente criticado dentro da facção secular Fatah,ligada a Abbas, pelo fracasso de suas forças de segurança emevitar a tomada do controle da Faixa de Gaza pelo Hamas. Durante os combates em Gaza, em que mais de 100 pessoasforam mortas, Dahlan estava fora da região devido a umacirurgia nos dois joelhos realizada na Alemanha. Em entrevista à Reuters em junho, Dahlan reconheceu erros edisse que indivíduos, incluindo ele próprio, deveriam assumir aresponsabilidade por seus fracassos. No mês passado, outra importante autoridade de segurança,Rashid Abu Shbak, foi demitida por Abbas. (Por Wafa Amr)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.