Coalizão lança ofensiva contra Al-Qaeda e milícias xiitas

Com a operação "Ataque fantasma", EUA e Iraque pretendem acabar com grupos "apoiados pelo Irã"

Efe,

13 de agosto de 2007 | 11h54

Uma força conjunta iraquiano-americana lançou nesta segunda-feira, 13, uma nova ofensiva no Iraque contra rebeldes vinculados à Al-Qaeda e às milícias xiitas "apoiadas pelo Irã", informou o comando militar dos Estados Unidos.   A fonte, que não especificou o local da operação nem quantos soldados participam dela, explicou que as operações estão voltadas para acabar com as atividades da rede terrorista Al-Qaeda e das milícias xiitas.   O comunicado acrescenta que a campanha, batizada de "Ataque Fantasma", se soma a outras operações militares em andamento no país, que já conseguiram "reduzir a efetividade de grupos extremistas".   O Exército dos EUA assegura que também conseguiu acabar com refúgios da Al-Qaeda e com o apoio a grupos extremistas.   As tropas capturaram ou mataram chefes da rede terrorista e das milícias xiitas. "As forças da coalizão e das forças de segurança iraquianas continuam atuando com sucesso em busca da segurança em muitas regiões do Iraque", afirmou o general americano Ray Odierno noComunicado.   "Minha intenção é continuar pressionando a Al-Qaeda e outros elementos extremistas no Iraque", acrescentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.